domingo, 14 de março de 2010

Como Melhorar o Desempenho Sexual ?


Pequeno Tratado de Como Melhorar o Desempenho Sexual (para os Homens)

Introdução#

Faz mais ou menos quinze anos que aconteceu.
Não! Apresso-me a dizê-lo, eu não brochei, mas fiquei naquele estado conhecido como “meia-bomba”, nem mole, nem duro... Conto isso, pelo fato de ter sido o motivo que me levou a treinar e posteriormente tornar-me um mestre do sexo e do prazer, pois a situação muito me incomodou.
Não tentarei dar explicações do porque aconteceu a dita situação, a mim, basta o fato de ter acontecido e que não gostaria que voltasse a ocorrer, então desenvolvi o método que de agora em diante pretendo revelar.
Encafifado nos primeiros dias, comecei a (re) lembrar meus tempos de lutador, de como o treinamento rigoroso de meu corpo, tanto fisicamente, como tecnicamente, me levava a ter sempre situações favorecidas nos combates, ou seja, eu não cansava (dentro de determinado limite é claro, mas sempre muito acima da média), meu corpo resistia a pancadas, dava pancadas sem lesionar partes do mesmo e sabia quando necessário, controlar o cansaço. A luta sempre devia começar antes de subir ao ringue, vencendo o adversário (não que as mulheres, no paralelo atual o sejam) na mente, sempre antes de começar literalmente o combate.
Desta forma, resolvi misturar meus conhecimentos de artes marciais (Kyokushin, Hung-Gar, Aikido), com culturas orientais (Yoga, Taoísmo, Tantrismo, Kundalini, Kama-Sutra, entre outras), a priori: respirações, pontos chaves do corpo humano, fortalecimento de partes especificas de meu próprio corpo e troca de posições, no intuito de obter qualidades sonhadas por qualquer bom amante.
Apenas bom, não, o meu caminho foi o da excelência. Não divulgarei meu treinamento e compartilharei meu conhecimento, com o resultado deste, por razões de fanfarronice ou insuflação de ego, apenas humildemente me coloco ao dispor de meus pares, de dividir o que aprendi e assim, que este conhecimento adquirido seja repassado, numa grande corrente de prazer, trazendo mais harmonia e amor (literalmente) ao mundo, além de compensação financeira, haja vista a economia que se fará com terapias farmacológicas modernas.
Quando digo respiração, é a importância desta no ato sexual, o compasso da música do corpo, o ritmo das penetrações, a atenção redobrada ao diafragma e ao abdome, o bater cardíaco, como enfim, controlá-la com parcimônia. Respirar não é um mero ato de entra ar e sai ar, mostrarei que é muito mais do que isso.
Ao mencionar pontos chaves do corpo, refiro-me especificamente as terminações nervosas, o que efetivamente nos interessa, deixando o conhecimento adquirido de torções, somente aos lutadores, pois as ditas terminações são pontos de rápida conexão, entre o corpo e o cérebro, onde aprendi a causar dor, compreendi que uma pressão em intensidade menor e de forma diferenciada de toque dará prazer, muitas vezes (digo isso em repetidas experiências próprias) nunca sentido por certas mulheres, sejam mal casadas ou simplesmente mal amadas.
No ponto de fortalecimento de partes específicas do próprio corpo, tentarei revelar (e comparar) como o lutador que necessariamente necessita tanto ter mãos calejadas o bastante para quebrar grossas madeiras e tijolos (Sosai Mas Oyama chegou a quebrar pedras com as próprias mãos, além de também quebrar chifres de touros), como o corpo rijo, para resistir a inúmeros golpes. Assim, o amante na busca da excelência, deve ter seu pênis e sua língua (sim, afinal o bom amante também deve ser hábil com a mesma) capazes de proezas paralelas, não que quebrará tijolos com o mesmo, mas que se manterá forte o bastante, para inúmeras horas de prazer. Ensinarei técnicas para que se chegue a este estágio... (continua)

Jens disse...
UÊBA!Gostei, Renato. Trata-se de um serviço de utilidade pública, algo de extrema relevância para homens e mulheres deste pais (quiçá do mundo). Desde já defendo a publicação e distribuição ampla do manual, com recursos do Minc e do Ministério da Saúde. A nação agradece. Aguardo expectante a continuidade dos ensinamentos. Espero que os mesmos sejam passíveis de uso por parte de um macho de idade provecta ainda apaixonado por aquilo que alguém definiu como conúbio carnal com o sexo oposto. Reconheço que estou necessitado, mesmo sendo um legítimo bagual dos pampas; apesar da imaginação fértil, a carne é fraca.Um abraço.
8 de fevereiro de 2009 10:15
Cherry disse...
Tô muito curiosa...E para aquelas q não são nem mal casadas, nem mal amadas?
8 de fevereiro de 2009 19:22
loba disse...
Cara, vc está sendo deveras generoso! Não é qq um que socializa assim um conhecimento deste e se disponibiliza desta forma.Agora me diz... para dar maior dinâmica ao treinamento, não será necessario uma demonstração concreta? rs... Afinal, os meninos estarão treinando, mas as meninas só podem exercitar sua curiosidade, né? rs...Eu li! Li os dois poemas!!! E fiquei a me perguntar: por quais ruas ele anda passando? rs...Beijo! Muitos
9 de fevereiro de 2009 14:39
Halem Souza disse...
Sexo e treinamento em artes marciais?... Nunca encarei a coisa dessa forma. Vivendo e aprendendo...Aguardo a continuação das lições.Um abraço.
12 de fevereiro de 2009 08:18
Dora disse...
Então, o post é dedicado aos homens do pedaço? E a gente(mulheres) fica a ler e a se perguntar se o ensino das técnicas vai chegar mesmo a concretizar uma "performance" desejável?Aguardando...rsBeijos.Dora
12 de fevereiro de 2009 11:11

2 comentários:

Jens disse...

Hehehe...Meia-bomba é chato, não chega a ser constrangedor com uma brochada ampla, geral e irrestrita. Agora, legal é quando ele "enverniza".

Abração, Renato.

LuCordeiro: disse...

Ãh? Artes marciais X sexo? Vc não está racionalizando mto uma coisa que o instinto "ensina"? Pra mim não existe ninguém bom de cama,ou ruim de cama.Qdo o tesão é enorme a pele combina,e aí aquela pessoa é a melhor do mundo.Pode estar até na meia-bomba,mas só de encostar na gente,derretemos de prazer.Mas,o cara pode ser um atleta sexual,se a pele não combinar,o sexo é péssimo.Qdo temos tesão absoluto por um homem,só de olhar pra ele a gente vaza por todos os poros.E o Kama-Sutra fica parecendo livrinho pra iniciantes diante daquilo que acontece qdo a paixão por alguém é indiscutível.
Bom,essa é mina opinião pq isso aconteceu comigo.E,nunca vou esquecer.
Bjsss...